sábado, 8 de dezembro de 2007

Rastros

vestígios
ausencia de presenças
presença de corpo e carne
[hálma?]

e eu em carne viva
sangue e lágrimas
sorrisos e salivas
[dividida]

enganam-se mutuamente
entre amores e ódios
muros
[...]

lembranças exiladas com o vento
levadas...
trazidas...
[amadas]

alianças feitas
desfeitas
rompidas
[ainda usada]

restam ainda os rastros.

4 comentários:

André disse...

rastros mesmo.
característicamente nostalgica
mto boa

disse...

No comments...you know why!!!

About the walls, absencet, hate and alliances disarranged... Nothing, absolutely nothing, will change the love and the affection that I have for you... NEVER!!!
I can be distant, but all will be always in my heart!
LUV U turkey hen...hauhauhua!!!
Kisses in your heart!!!

ֹmaяcos coletta disse...

identifico!

Mr. Ziggy disse...

Os rastros doem às vezes. Identifico!²